top of page

Projeto de interiores: Cozinhas!

Como iniciar o projeto da sua cozinha com o pé direito e sem medo de errar?


É logico que ajuda de um profissional é quesito essencial para não cometer erros na hora de projetar sua cozinha planejada, porém, trago aqui algumas dicas valiosas e cuidados que você deveria considerar antes de pensar em iniciar o projeto ou reforma da sua cozinha.


Imagem: Pinterest


Se você está pensando em reformar ou iniciar o projeto da sua cozinha, fique ligado nestas dicas que preparei exclusivamente para você!


O projeto da cozinha vai muito além de apenas escolher moveis e eletrodomésticos, você deve prestar muita atenção a funcionalidade, e a cada detalhe que vai compor o seu projeto, sem esquecer é claro; do design, paleta de cores e escolha correta dos materiais próprios para esse ambiente em especifico.


A cozinha é um ambiente de destaque em qualquer casa ou apartamento, um espaço de uso e interações familiares diárias. Para não errar na hora de projetá-la e assim tornar o ambiente funcional e acolhedor, há que se pensar em cada detalhe do projeto.


Por isso, criamos este artigo com dicas para projetar uma cozinha planejada de destaque e sem dores de cabeça.


Imagem: Pinterest


Primeiros passos:


Antes de começar a planejar sua cozinha, confira o tamanho e pontos de conexão da rede hidráulica, elétrica e de gás. Com essas referências ficará mais fácil planejar a disposição de móveis e eletrodomésticos na sua nova cozinha.


Layout e circulação:


Se a sua cozinha é do tipo: corredor, onde a bancada fica só de um lado, ela precisa de pelo menos 80cm livres para circulação.


Já cozinhas com bancadas dos dois lados precisam de pelo menos 100cm.


O ideal é que sejam 120cm, ainda mais quando há mais que uma pessoa no mesmo espaço, como, por exemplo; durante um jantar, pessoas servindo, cozinhando, lavando a louca e interagindo.



Acabamentos/ revestimentos:


Está muito em alta utilizarmos porcelanatos com texturas para dar destaque a bancada.

Uma tendencia e utilizar porcelanato imitando mármore carrara de fora a fora da bancada e pintura acrílica branca nas pequenas áreas que sobraram como a parede da porta que dá para a varanda, uma opção mais econômica que gera um impacto visual surpreendente ao projeto.


Imagem: Pinterest


Revestimentos tipo: Metro White:


Você já ouviu falar do Metro White ?


Revestimento encontrado em terminais subterrâneas de grandes metropolis como: Paris, Nova York e Londres, lugares onde existem estas paredes que inspiraram o revestimento branco em forma de tijolinhos, pertencente à família dos subway tiles ou “azulejos de metrô”, como são chamados no Brasil.


Com boa funcionalidade para ambientes molhados, o Metro White tem ganhado espaço nos banheiros e nas cozinhas de quem deseja cômodos decorados com estilo industrial.


As formas de distribuição desses tijolinhos nas paredes podem variar entre vertical, horizontal e em L - qualquer uma delas inspira informalidade, modernidade e um ar retrô ao ambiente.



Imagem: Pinterest


Paginação de Armário de uma cozinha planejada:


Uma cozinha planejada começa com a paginação dos armários, defini-se o ponto de localização da hidráulica, a partir dai saberemos a localização da cuba, ela quem determinará  o ponto de partida do layout do armário, depois já tendo um ponto de referencia podemos partir para os demais módulos.


Armários cheios de portas estão em desuso hoje em dia, por isso optamos em projetar gavetões de trabalho por serem mais funcionais que as tradicionais portas de abrir.

Com as gavetas fica mais prático acessar louças e utensílios de cozinha já que nesse caso os utensílios vêm até você e não você até eles.


Imagem: Pinterest


Bancada e armários:


A largura da bancada onde está a pia deve ter entre 50cm e 60cm. O ideal é 60cm.

Quando tiver apenas 50cm, os armários superiores devem ter 30cm de profundidade, no máximo.


A regra é que os armários suspensos acima de bancadas de trabalho sejam de 15cm a 20cm menores do que a profundidade da bancada. Além disso, devem estar ao menos 60cm de distância acima da bancada.

Materiais bancada:


Antes de escolher o material a ser utilizado na sua cozinha é preciso conhecê-los melhor, para fazer uma opção mais acertada. Os mais comuns de serem encontrados no mercado são:


MÁRMORE,GRANITO, CORIAN.


Mármore:


O mármore é uma rocha metamórfica originada de calcário exposto a altas temperaturas e pressão baixa a moderada. É mais poroso que o granito e possui uma pedra mais mole, portanto menos resistente à impactos e à manchas.



















Granito:


Menos poroso e muito mais resistente  que o mármore, mais indicado para pias de cozinha.

Dada essas características é bom lembrar que o mármore pode desgastar com o tempo, então em muitos casos onde o uso for intenso é melhor pensar no granito para cozinhas com certeza, terá uma maior resistência.




Se quiser entender mais sobre mármore e granito, se liga no nosso post explicando as diferenças e particularidades de cada um dos materiais: https://www.arquidesignonline.com/post/m%C3%A1rmore-ou-granito-entenda-a-diferen%C3%A7a-destes-materiais


Corian:


Um material sintético produzido pela empresa Dupont que possibilita a criação de formas orgânicas leves e praticamente perfeitas, sem nenhuma emenda, ainda com a possibilidade de uso de cores fortes, oferecendo uma estética maravilhosa. O Corian é produzido em altíssimas temperaturas e por isso ele resiste ao contato com panelas ou fôrmas saídos direto do forno  quente no entanto existe um acessório para apoio de panelas super bonito instalado na própria bancada para evitar contato direto que por ventura possa manchar sua bancada. Lindo não?



Imagem: Pinterest


Design: torneiras e acessórios


Na hora de escolher a torneira, Capriche no Design!

Ela vai dar um toque especial a sua cozinha, ainda mais com uma bancada toda trabalhada

Existem vários modelos no mercado dos mais variados preços, escolha o modelo que combina com estilo arquitetônico da sua cozinha.


Imagem: Pinterest


Iluminação essencial:


Além da iluminação geral da cozinha, uma boa dica de iluminação personalizada é a iluminação em alguns pontos estratégicos com lâmpadas e fitas de LED para conferir leveza nos armários. Os spots direcionados, arandelas e pendentes, também conferem um charme todo especial ao conjunto. Abuse deles!



Imagem: Pinterest


Eletrodomésticos:


O projeto elétrico de uma cozinha planejada deve conter tomadas altas para coifa e torre de eletrodomésticos, uma tomada baixa para o triturador ou máquina de lavar louças, se houver, e outras próximas da bancada para batedeira e liquidificador, por exemplo.

O inox continua em alta, material high-tech e atemporal, assim como os eletrodomésticos pintados em cores como: preto, amarelo, azul claro, laranjas e vermelhos, algumas das cores mais comuns que estão sendo utilizados em projetos.


Os modelos da marca SMEG são um sonho de consumo de donas de casa antenadas e cozinheiros gourmet, possuem um tinta especial e prometem economia de energia, trazendo aquele ar retro e descolado em qualquer projeto de cozinha.